Sete conselhos do Papa Francisco para viver bem o Ano da Misericórdia ~ Missão Nova Visão ♫ Web Rádio Católica

sexta-feira, 8 de janeiro de 2016

Que ano é este?

O Papa, por inspiração divina, anunciou o Ano da Misericórdia. Mas que ano é esse? Como devemos vivê-lo? Dentre tantos passos apresentados por Francisco na bula Misericordie Vultus (O Rosto da Misericórdia), posso ousar em elencar dez conselhos.

Jesus Cristo é o rosto da misericórdia do Pai

1) Reconhecer a misericórdia do Pai em Jesus é o tema do Ano Santo: “Misericordiosos como o Pai”. Logo no início da bula, Francisco ensina: “Jesus Cristo é o rosto da misericórdia do Pai”. Mas como imitá-Lo em Sua misericórdia? Por meio do Filho, Jesus, reconhecer a misericórdia do Pai. Com o olhar
no Cristo, é possível verificar que Deus é Pai, misericórdia, amor e vida, Ele é Emanuel, o Santo. O primeiro conselho é reconhecer o Pai no Filho e seguir o que Ele ensinou e viveu.

A misericórdia do Senhor é para todos

2) Se é possível ver a misericórdia do Pai no Filho, se Ele é Santo, o segundo conselho é reconhecer-se pecador. No entanto, a misericórdia do Senhor é para todos, não podemos temê-Lo, mas confiar que Ele não se cansa de perdoar. “Nós é que nos cansamos de pedir perdão”, já frisou o Papa em seus ensinamentos. Reconhecer-se pecador é o mesmo que dizer “sou alvo da misericórdia do Pai”.

Tempo de busca pelo sacramento da reconciliação

3) Ir em busca do perdão. O Papa ressalta que é tempo de misericórdia; então, é tempo de buscar o sacramento da reconciliação, fazer um bom exame de consciência, estar arrependido, ter a firme resolução de não pecar mais, confessar e viver uma vida nova em Cristo. Francisco chamou à atenção os confessores e sacerdotes, para que tenham um especial cuidado de acolher, orientar e perdoar os penitentes.

Perdão para si ou para algum falecido

4) Nesse Ano da Misericórdia, a Igreja oferecerá abundantes graças aos fiéis, oferecerá indulgências e o perdão dos pecados devido às suas consequências. Perdão para si ou para algum falecido. Quem poderá recebê-lo? Aqueles que estiverem em estado de graça, que participarem da comunhão eucarística, rezarem pelo Papa e fizerem uma peregrinação passando pela Porta Santa.

A misericórdia não é algo abstrato

5) A misericórdia não é algo abstrato, mas muito concreto como o amor de mãe, ou seja, provém do íntimo de Deus, ensina o Papa. A mãe ama com carinho, afeto e, ao mesmo tempo, com firmeza e verdade; assim, Deus nos ama e nos convida a fazer o mesmo.
Diante da misericórdia que se recebe, como concretamente traduzi-la?

As obras de misericórdia

6) Concretamente, o Papa recorda algo que a Igreja ensina e vive há muito tempo: as obras de misericórdia, que podem ser espirituais e corporais. As obras de misericórdia espirituais são: instruir, aconselhar, corrigir, perdoar e ter paciência. Já as obras de misericórdia corporais são: dar de comer a quem tem fome, dar de beber a quem tem sede, vestir o nu, dar abrigo a quem não tem, visitar os doentes e presos, sepultar os mortos, praticar a justiça e dar esmola.

Porta-voz da misericórdia do Pai

7) Anunciadores da misericórdia, a Igreja deve ser porta-voz da misericórdia do Pai. Francisco recordou São João Paulo II, quando este, na sua encíclica Dives in Misericordia, falou sobre o esquecimento dessa palavra e atitude: agir com misericórdia. Neste mundo, a Igreja tem a missão de chegar ao coração e à mente de cada pessoa com a misericórdia divina. A Igreja, claro que não apenas as pessoas que fazem parte do clero ou fizeram algum tipo de voto, mas todos os batizados e ungidos pelo Senhor são instrumentos, são os braços, os pés, as mãos do Senhor. O clero e os leigos, juntos, revelam o Rosto da Misericórdia.
Por fim, acredito que poderíamos elencar outros conselhos e passos a serem dados, pois estes nos ajudam a tomar posse desse Deus Pai Misericordioso, que enviou Seu Filho e, assim, revela-nos seu Rosto de Misericórdia. O Senhor, Pai da Providência, concede-nos, neste tempo, a graça por meio da Igreja, de seu servo o Papa Francisco, que conta com tantos outros servos que, banhados pela misericórdia, só podem responder com misericórdia. Que a nossa resposta hoje e sempre seja de misericórdia com palavras e gestos concretos.

Fonte: http://formacao.cancaonova.com/


0 Comentários:

Postar um comentário

Por favor poste apenas comentário uteis, não faça divulgação na sessão de comentários. Obrigado

Nossa Programação

24hrs de músicas!
15h00
Terço da Misericórdia
18h00
Terço da Sagrada Família
20h00 às 22h00
Rítmo Jovem

Clicando Neste Anúncio Você nos Doa R$ 0,03 ! Deus Abençoe !

N.Sra. das Graças

N.Sra. das Graças
Derramai todas as graças necessárias para nossas vidas !

Curta nossa Página !

Solidariedade

Tecnologia do Blogger.

CF2017

Missão Nova Visão, Levando LUZ onde se encontra escuridão !

Clicando Neste Anúncio Você nos Doa R$ 0,03 ! Deus Abençoe !

Testemunho / Adriano do Nascimento

CD Mesmo Olhar / Adriano do Nascimento

CD Mesmo Olhar / Adriano do Nascimento
Pregação e Testemunho

Receba Nossas Matérias !

Cadastre seu E-mail e Receba nossas Notícias e Novidades!


Nova Visão

Deixe um Recadinho

De Olho na Dica - Filme

De Olho no Lançamento